Por que não perder o Grammy neste domingo?

Todo ano aquela história, o que a gente quer ver numa premiação? Para a quinquagésima nona edição do Grammy que rola neste domingo,12, a gente tem aqui alguns bons motivos pra ficar de olho na premiação. Olha só:

James Corden_ Finalmente a Academia resolveu mudar a apresentação desta que é a maior premiação musical do planeta. O rapper LL Cool J apresentou o show por cinco anos seguidos e a gente não aguentava mais! Sério! Agora vem um ar, pelo menos espera-se, de algo mais divertido. Eis a vez do apresentador e comediante James Corden. Claro que a gente torce para ser uma noite mais engraçada, aliás o Grammy deveria dar essa chance aos apresentadores: garantir mais espaço à eles do que simplesmente usar os hosts como meros “anunciantes” das atrações. James é famoso pelo seu programa diário The Late Late Show que tornou um fenômeno global alavancado por seu quadro “Carpool Karaoke” onde ele dá carona à diversos cantores e eles usam e abusam de performances divertidas dos seus maiores hits enquanto rodam de carro. Já teve Bieber, Madonna, Gaga, Stevie Wonder… Vamos ver o que ele vai preparar para a noite deste domingo, pois experiência não lhe falta. James já apresentou o Brit Awards, a premiação musical mais respeitada e prestigiada da música inglesa.

PerformancesUma lista poderosa de atrações para a cerimônia deste domingo deve estar deixando muita gente ansiosa roendo as unhas, principalmente os adoradores das divas pop. Isto porque o Grammy terá shows da recordista de indicações deste ano Beyoncé – ela tem nove indicações. Teremos também a incrível e estratosférica Adele, o retorno de Katy Perry lançando seu novíssimo single Chained for the Rhythm, Lady Gaga se apresentando ao lado do Metallica. A 59o. edição ainda traz performances de The Weeknd com o duo francês Daft Punk – um dos momentos mais aguardados da noite, Keith Urban com Carrie Underwood, o tributo aos 40 anos de Saturday Night Fever, dos Bee Gees com Demi Lovato, Andra Day e Little Big Town. Por falar em tributo ainda vai ter John Legend e Cynthia Erivo cantando no segmento que homenageia as perdas do ano, destacando as mortes de Prince, Leonard Cohen e George Michael. Por fim, Bruno Mars, Chance the Rapper, Lukas Graham, Maren Morris e Sturgill Simpson completam as atrações anunciadas até agora. Só eu senti falta de rock aí – mesmo com o Metallica?

Tom Político_ Esse deve ser o discurso da noite. A posse do presidente Donald Trump e toda repercussão de suas falas e atitudes desastrosas certamente vão se refletir em uma das edições que pode sim ser histórica para a premiação. O Grammy é a premiação musical mais assistida em todo o mundo e tanto as atrações e, principalmente, os vencedores deverão usar o ‘palanque’ como protesto contra o discurso de ódio, de xenofobia, contra os inúmeros pronunciamentos atacando as mulheres. Mas haverá também manifestações contra a própria entidade do Grammy. Diversos artistas cogitam boicotar a premiação. Em dezembro, quando os indicados desta edição foram anunciados, estrelas da música foram para a internet dar coro à manifestação online que contestava o fato de ser uma premiação primordialmente branca, alegando a ausência de artistas negros indicados ou ao baixo número destes artistas. A hashtag #GrammysSoWhite pode voltar à tona nesta noite.

Disputa dos Grandes_ Beyoncé tem nove indicações. Drake, Rihanna e Kanye West receberam oito cada um. Chance the Rapper, sete. Adele tem cinco. E assim a vida segue hahaha! Adele, por exemplo, já recebeu ao longo da carreira 10 troféus. Beyoncé tem 20, incluindo aqueles recebidos na época das Destiny’s Child. Tem se criado grande expectativa sobre o que pode acontecer entre essas duas já que elas concorrem diretamente nas principais categorias. Quem vai levar a disputa como o melhor álbum do ano? O mais vendido (25 – Adele) ou o mais político e aclamado (Lemonade – Beyoncé)… tá na cara, mas vamos aguardar domingo para ter as devidas confirmações. Eu torço para Adele simplesmente por ela dar vida ao mercado musical e vendido horrores, afinal eles fazem música sim pra ser vendida, não para ser conceitual. Mas como dito antes: será uma premiação dos grandes e quem ganhar tem motivos de sobra pra comemorar sim! Vem ver quem são os principais indicados aqui.

Ahhhh! Prestem atenção nos nomes de Maren Morris e Sturgill Simpson! Esse último pode surpreender MUIIIIIITO neste domingo e a gente nem tá se dando conta. Fiquemos de olho!

Por aqui o Grammy será transmitido ao vivo no domingo, pela TNT, a partir das 22h.